domingo

Sintomas de depressão

1) Coração acelerado com um grande aperto no peito.
2) Desejo de morte súbita.
3) Pensamentos de auto-rejeição. 
4) Ausência de projeto de vida.
5) Sensação de inutilidade.
6) Solidão.
7) Isolamento.


A depressão é o principal transtorno psiquiátrico associado a AIDS.

Durante o dia essa sensação se altera, podendo inclusive sumir até a noite. Não ocorre todos os dias, mas em boa parte da semana.

Sensações do ápice da tristeza:

"Não tenho perspectivas de relacionamentos. Não tenho perspectivas de novas amizades. Não quero manter as antigas. Sinto um desejo quase que incontrolável de sumir, me auto-deletar da história. Queria que as pessoas pudessem me esquecer. Passar pela rua sem ser notado. Não tenho ânimo para continuar..."

O risco de suicídio pode estar aumentado 35 a 40 vezes em pacientes infectados quando comparados com HIV negativos.

Leia mais em:

http://www.drashirleydecampos.com.br/noticias/11440

http://www.bib.unesc.net/biblioteca/sumario/00004E/00004E7D.pdf

http://prazeralexandre.blogspot.com.br/2011/09/hivaids-depressao-e-adesao-ao.html

Se você percebeu alguma destas sensações, converse com seu médico. Quem sabe não está na hora de um apoio profissional?

3 comentários:

FOXX disse...

apesar de eu não ser HIV+, eu me senti assim no inicio do ano.

Raphael Martins disse...

Acho que a depressão pode atingir qualquer um, independente de ser HIV+ ou não. Depende muito de como a pessoa vê a vida. Minha opinião. Boa semana.

Cara Comum disse...

Complicado, né?? É preciso sempre estar atento, já que muita gente subestima o perigo que é a depressão... Força aí!

Beijos!