quarta-feira

Brincar de viver

Tem dias que certa tristeza insiste em me dominar. Hoje é um deles. Preguiça de fazer planos e executar os planejamentos. Preguiça de continuar a trajetória e vontade apenas de desviar o caminho. Como o gato vive dizendo... pra quem não saber aonde vai qualquer caminho é válido.

A solidão bate na porta, e as vezes insisto em convidá-la para dormir comigo. E por que não transar comigo. Quero contaminar a solidão e deixá-la sem tratamento na esperança que ela padeça aos poucos e dolorozamente.

Já culpei a medicação muitas vezes por esses momentos. Meu médico falou que é possível que ela seja culpada mesmo. Assim como vem rápido, vai rápido. Mas penso que isto está mais relacionado a minhas ambições e insatisfações em vários âmbitos da minha vida.

Já superei parte de minha rejeição interna a mim mesmo; fruto da descoberta do vírus social que eu possuía e não sabia. Agora preciso superar a mim mesmo, a cada dia. A tristeza só se soma a vontade irremedialvel das descontinuidades. O que faz todo sentido. Quem disse que a vida deve ser linear?

Como diz um grande blogueiro amigo: "Enfim, é o que tem pra hoje!!"


4 comentários:

FOXX disse...

melhoras, então, meu querido
e qualquer coisa
manda um e-mail, um telefonema, um msn q a gente ajuda vc a levantar esse astral...

Gato Van de Kamp disse...

Adoro ser citado.. Mas no seu caso é um erro.. Vc tem caminho.. Pra não dizer caminhos.. Lindos e gloriosos... Eu sei que tem!!!

Paulo Roberto Figueiredo Braccini . Bratz disse...

Vc é um fofo cara ... levanta este astral ... o mundo não acabou querido ...

Cara Comum disse...

"A arte de sorrir cada vez que o mundo diz não."

Te adoro!! E estamos juntos nessa parada aí!