sexta-feira

Caminhando

Hoje resolvi pensar um pouco diferente. Estou cansado de sofrer ( que coisa mais Universal do Reino de Deus, né?!) por algo que está escrito num exame. Eu não sinto nada. Pois bem. Decidi que não vou sofrer mais em função do vírus. (até parece que é simples assim igual a “oi”. Comecei uma vida nova.  Não, não virei evangélico mas resolvi olhar a doença de uma nova forma. Já havia mudado hábitos alimentares e resolvi mudar também meu sedentarismo.
Fiz minha primeira caminhada foi ao som de Elis Regina. Você deve ta pensando, que coisa mais deprê. Não... sempre gostei dela a diferença é que ao invés de ouvi-la com álcool ou maconha resolvi ouvir caminhando/correndo. Foi uma delícia. Como sou viajante de natureza. Pensei em muitas coisas durante a caminhada inclusive na decisão de implantar esse hábito para minha vida. Decidi me dedicar mais aos meus estudos também... afinal foi difícil entrar na instituição que estou.
No caminho para praça escolhida passei por um dos mais lindos cartões postais brasileiros e já na praça visualizava outro tão lindo quanto.  Moro, definitivamente, na cidade mais linda do mundo.  Enquanto caminhava observava as crianças com suas mães, os idosos fazendo sua caminhadas, alguns gatinhos também se exercitando e pra minha tentação alguns maconheiros, por que não? RS Embora o cheiro estivesse bem atrativo não fiquei com vontade de fumar.
Estou há dois dias sem fumar cigarro, e há três dias sem fumar maconha. Também vou diminuir o consumo de álcool. Vou dar um tempo, pelo menos até o dia do exame. Quero ter a consciência tranqüila de que nada disso vai influenciar o resultado. Vamos ver o que vai dar. Independente de qualquer coisa seguirei os conselhos de Dra. Leblon quanto ao uso do medicamento, mas não sem antes refazer os exames. E insisto na minha viagem. Acho que vai me fazer muito bem.

6 comentários:

Anônimo disse...

Amiga diz:

Achei ótimo essa sua nova atitude, e Elis Regina é excelente companhia para uma caminhada(da próxima leve a Teresa Cristina). Com certeza esse NOVO OLHAR com relação a sua doença é a melhor atitude q vc pode ter nesse momento. Acho importante seguir as orientações de Dra. Leblon mesmo que não concorde com isso, pois ela tem q fazer a parte dela e esta fazendo. E se preocupar em ter uma vida saudável, com atividades físicas, sem cigarros é com ctz a melhor opção nesse momento.
E a viagem, acho q vai te fazer muitissimo bem.
Pra finalizar não posso deixar de dizer q te amo de vdd e vc sabe disso, mesmo as vezes não sabendo muito bem como lidar com esse momento difícil q esta passando, ja te disse e repito q estamos elaborando isso juntos. Mas Te apoio totalmente nessa sua nova fase, com seu novo olhar. É a melhor atitude.

Anônimo disse...

Rio de Janeiro é uma coisa, né minha gente??? Velhinha, mãe com criança, maconheiro, gay... Tudo num balaio só.. Adoooro!!!!

Da Lapa disse...

Que bom te ver assim. Passei o dia inteiro pensando em você. Que maravilha ler esse post. Você é lindo. Te amo demais.

Ninguém por aí disse...

Muito obrigado Da Lapa!!! Vc tb é mto importante pra mim e tem segurado bem esse pepino comigo. Tb te amo mto!!!

Ninguém por aí disse...

Anônimo... Rio de Janeiro é parte do meu coquetel! Não é McDonald's mas amo muito tudo isso!!

Amigo disse...

Já era hora de começar a caminhar. Está seguindo o caminho certo. Um passo de cada vez. Estamos juntos nessa estrada. Abração!